• comunicacao707

Conheça o Perfil do Doador Individual Brasileiro em 2020


Foi divulgada em fevereiro a quarta edição da pesquisa Brasil Giving Report, promovida pela britânica CAF – Charities Aid Foundation e pelo IDIS, trazendo um panorama da doação individual no Brasil.

Como foi o engajamento da população para doação de dinheiro? O que faz com que as pessoas doem? Qual é a percepção sobre o impacto do trabalho das organizações da sociedade civil? Essas são algumas das perguntas que a pesquisa buscou responder, essenciais para ampliar a compreensão dos profissionais do terceiro setor sobre seu doador e formas de engajamento.

Uma das principais fontes de recursos para as organizações sociais é a doação realizada por pessoas físicas, independente de suas famílias ou empresas, mas a cultura de doação ainda é algo que precisa ser ampliada no Brasil. Para isso, é essencial conhecer melhor o perfil do doador para compreender as razões que o faz doar de forma pontual ou recorrente ou para determinada causa em detrimento de outras.

Sabe-se que parte da população não compreende exatamente de quem é a responsabilidade sobre a sustentabilidade financeira das organizações do terceiro setor. Em partes, essa falta de percepção pode ser atribuída ao fato de que muitos ainda acreditam que as OSC’s existem apenas para suprir a necessidade que os serviços públicos essenciais não dão conta de atender: como saúde e educação, por exemplo. Mas, na prática, essa é uma realidade superada há anos. Atualmente, as OSC’s possuem um espectro muito mais amplo e importante de atuação na sociedade, uma vez que o terceiro setor passou a ser o lugar da inovação social, da experimentação de novas soluções para antigos problemas sociais e da atuação em rede.

Para conhecer os resultados da Brasil Giving Report de 2020, acesse o site e faça o download completo da pesquisa: Brazil Giving Report 2021 | IDISIDIS

2 visualizações0 comentário